Internet fixa – como funciona em Portugal

O ministro das Comunicações Gilberto Kassab conseguiu irritar os brasileiros no começo deste 2017 ao dar uma entrevista ao portal  Poder 360 afirmando que a partir do segundo semestre as empresas de telecomunicações estariam autorizadas a cobrar franquia nos planos de internet fixa.  O ministro voltou atrás por ora, mas é certo que a intenção de limitar a internet permanece no Brasil.

Moro em Portugal desde setembro do ano passado e resolvi fazer um comparativo entre os planos de internet daqui com o Brasil. Peguei as três grandes operadoras em Portugal e comparei com as três grandes brasileiras e comparei o plano combo (internet + TV  + fone) mais básico.

Aqui em Portugal não existe franquia, para começo de conversa.

INTERNET FIXA – PORTUGAL

Vodafone
100mb de internet de velocidade + 145 canais + 3 mil minutos de ligações para números fixos
Valores: €48,9 (sem fidelização), €33,9 (fidelização de um ano), €28,9 (fidelização de dois anos)

MEO
100mb de internet de velocidade (200 nos primeiros meses) + 150 canais + ligações ilimitadas (para fixo)
Valores: €44,99 (32,99 nos primeiros seis meses)

NOS
100mb de internet de velocidade (200 nos primeiros meses) + 166 canais + ligações ilimitadas (para fixo)
Valores: €44,99 (32,99 nos primeiros seis meses)

INTERNET FIXA – BRASIL (SANTA CATARINA)

Vivo
15mb de internet de velocidade + 39 canais + ligações ilimitadas (fixo + movel local)
Valores: R$ 189,88 (R$ 219,88 após 12 meses)

Claro
15mb de intenret de velocidade + 81 canais + ligações ilimitadas só para Claro
Valores: R$ 174,80 (R$ 124,90 nos três primeiros meses)

Oi
15mb de internet de velocidade + 159 canais + ligações ilimitadas
Valores: R$ 189


Conclusões:

Se converter a moeda para o câmbio atual, na faixa de R$ 3,4 o euro, veremos que os valores são bastante próximos dos planos combo. Com duas gigantescas diferenças: o número de canais disponíveis e principalmente a velocidade da internet.

Os planos em Portugal COMEÇAM em 100mb de velocidade, no Brasil ainda tem empresas vendendo planos em Blumenau, pólo tecnológico de alto IDH a partir de 2mb. Isso que Portugal é considerado o país com a internet mais cara da Europa Ocidental.

Dentro deste cenário, cobrar pela franquia no Brasil chega a ser um insulto.